RESPEITANDO O OLHAR DO CLIENTE

Todo projeto arquitetônico nasce de uma necessidade, que muitas vezes acaba sendo compreendida pelo cliente e pelo arquiteto por meio de muitas conversas ao longo do processo de projeto. Para atender os anseios e expectativas do cliente o arquiteto necessita de muita sensibilidade, que se traduz, mais claramente, em empatia.

Respeitar a legislação, conciliar os conceitos de arquitetura dando funcionalidade e eficiência ao projeto só atingem seu patamar de satisfação quando a real necessidade e a personalidade do cliente estão impressas e conciliadas com estes itens. Para isso é fundamental importar-se com o outro, se esforçar para compreender suas necessidades e expectativas.

Na prática, atender com empatia sintetiza-se em ouvir com atenção o cliente, buscando compreende-lo e estando livre de respostas prontas e soluções padrões, identificando o que o cliente está sentindo, expressando e pensando.

A Proa tem consciência de que a empatia é uma característica que precisa ser aprimorada a cada novo projeto e a considera essencial na relação com o cliente, pois é um recurso capaz de transformar o modo com o qual nos relacionamos.

Fonte imagem: http://dificilinicio.blogspot.com/2016/01/empatia-como-ela-pode-te-ajudar-na-sua.html

Por, Anne Caroline Hubert